Mário Matins: “Não vai rachar nada”, diz Totonho Valadares sobre decisão de apoiar Marília

ALEPE

quinta-feira, 18 de agosto de 2022

“Não vai rachar nada”, diz Totonho Valadares sobre decisão de apoiar Marília

 













Ex-prefeito de Afogados da Ingazeira, justificou a sua decisão dizendo que perdeu espaço dentro da Frente Popular

Por André Luis

O ex-prefeito de Afogados da Ingazeira, Totonho Valadares, disse em entrevista ao programa A Tarde é Sua da Rádio Pajeú, nesta quinta-feira (18), que a sua decisão de apoiar a candidatura de Marília Arraes ao Governo de Pernambuco, não vai criar racha na Frente Popular de Afogados da Ingazeira.

Totonho afirmou que o importante é juntar forças para trazer recursos para a cidade. “Não vai rachar nada. Sempre houve decisões desse tipo dentro da Frente Popular aqui em Afogados da Ingazeira e nunca rachou. Eu voto em Marília, mas meu filho, o Daniel que é vice-prefeito, vai votar em Danilo. Ele já se comprometeu com o prefeito Alessandro Palmeira”, afirmou Totonho.

Falando sobre os motivos que o levaram a decidir apoiar Marília, Totonho disse que a falta de espaço foi determinante. 

“Eu já havia ventilado em outro momento aqui na rádio, a possibilidade do meu apoio a Marília e na ocasião falei da minha insatisfação. Não com a Frente Popular, mas com o PSB. Há quatro anos, em conversa com o próprio Paulo Câmara e outros membros da Frente, foi prometido que as coisas iam mudar. Mudar por quê? Eu passei quatro anos do governo dele [Paulo Câmara] aonde ao invés de ampliar o nosso espaço na Frente Popular, eu perdi todos os espaços que eu tinha”, disse Totonho, reforçando que já havia demonstrado a insatisfação para o governador Paulo Câmara e que há quatro anos não se sentia disposto a apoiar a reeleição dele, mas que decidiu votar em Paulo, após conversa com membros da Frente Popular.

Totonho disse ainda que a primeira conversa com Marília aconteceu em sua casa na Fazenda Borges. “Marília foi até a minha casa onde conversamos por quase duas horas e eu vi que com ela terei um canal direto, sem intermediários”, revelou.

Questionado se o seu gesto não era uma manobra pra ganhar palanque em 2024, Totonho disse que não precisa de palanque, dando a entender que não colocará o nome numa disputa. “Eu não preciso mais de palanque. Quem vai precisar de palanque é o prefeito Alessandro Palmeira e o vice dele, meu filho Daniel. Eles sim irão precisar de palanque e de apoio, e eu e o ex-prefeito José Patriota estaremos lá para dar esse apoio necessário. Por isso, mais uma vez eu digo que não rachou nada”, afirmou Totonho.

O ex-prefeito reafirmou o seu apoio a candidatura do ex-prefeito José Patriota e ao deputado federal Gonzaga Patriota.


0 comentários: