O médico Glauco Suassuna foi encontrado morto em casa, na cidade de Princesa Isabel, Sertão paraibano, na manhã desta sexta-feira (14). Ainda não há definição exata da causa da morte.
As informações são de que o médico não foi trabalhar nem atendeu o telefone. Então pessoas próximas decidiram forçar a porta do quarto e o encontraram sem vida. 
O corpo deve ser examinado pelo Instituto Médico Legal (IML) de Patos para identificar a causa da morte.
Glauco Suassuna tinha 42 anos e era natural de Catolé do Rocha, embora sua família morasse há muitos anos em Campina Grande onde se formou em medicina. Em 2002, ele foi contratado para trabalhar em Juru e desde então permaneceu na região de Princesa Isabel.



Expresso do Sertão