Mário Matins: Toyota injeta US$ 400 milhões em projeto de táxi voador

quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

Toyota injeta US$ 400 milhões em projeto de táxi voador


Projeto de táxi voador da Toyota
O gigante japonês de automóveis Toyota anunciou, nesta quinta-feira,
que investirá US$ 394 milhões (cerca de R$ 1,6 bilhão) na
Joby Aviation, uma start-up californiana que desenvolve uma
aeronave elétrica para serviços de mobilidade "on demand" em
áreas urbanas.

Feito no âmbito de uma captação de recursos de US$ 590 milhões
pela Joby Aviation, este investimento é um sinal da intensificação
dos esforços da Toyota para se transformar em gigante mundial
de novas mobilidades. "O transporte aéreo foi um objetivo de
longo prazo para a Toyota. Embora continue operando no setor
de automóveis, este acordo volta nosso olhar para o céu",
afirmou o presidente do fabricante japonês, Akio Toyoda, citado
em um comunicado do grupo.
Fundada em 2009, a Joby Aviation desenvolve um pequeno
avião elétrico de cinco lugares com decolagem e aterrissagem
verticais, como um helicóptero. A futura máquina terá uma
autonomia de 240 km e velocidade máxima de 320 km/h.

Apoiado por vários investidores estrangeiros e por empresas
desde seu início, a Joby Aviation anunciou no mês passado
uma associação com o gigante americano de veículos com
motorista, a Uber. O objetivo é lançar um serviço de táxis
voadores até 2023.




Folha PE

0 comentários: