Mário Matins: Estado deve em repasses quase R$10 milhões à HR Emília Câmara e UPAE

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Estado deve em repasses quase R$10 milhões à HR Emília Câmara e UPAE

Exclusivo: Estado deve em repasses quase R$10 milhões à HR Emília Câmara e UPAE

Levantamento foi realizado pelas redações do radiopajeu.com.br e nilljunior.com.br
Por André Luis
Uma pesquisa ao Portal da Transparência do Hospital Tricentenário, Organização Social responsável por administrar dentre outras unidades de saúde do estado o Hospital Regional Emília Câmara (HREC) e a UPAE Dom Francisco de Mesquita Filho, ambas em Afogados da Ingazeira-PE, mostra que o Governo do Estado de Pernambuco não faz o repasse de verbas para as duas unidades desde julho de 2019, acumulando quatro meses de atraso.
O HREC recebe mensalmente do Governo do Estado o valor de R$ 1.961.794,99, para custear a administração da unidade, já a UPAE recebe R$449.041,00/mês. Confira as imagens:

Planilha do Portal da Transparência do Hospital Tricentenário referente a repasses ao HREC.
Planilha do Portal da Transparência do Hospital Tricentenário referente a repasses a UPAE.
Somando os valores acumulados a receber pelas duas unidades, o estado está devendo a administração do HREC R$7.847.179,96 e a UPAE R$1.796.164,00. Os dois juntos somam R$9.643.343,99.
No caso da UPAE chama a atenção dois valores que segundo a planilha do Portal da Transparência mostram como pendentes. R$1.026.157,00 referente a repasses de 2017 e R$2.694.246,00 referente a repasses de 2018, o que acrescenta mais R$3.720.403,00 na dívida com a OS referente a administração da unidade. Somando estes valores ao já mencionado anteriormente o Governo do Estado deve em repasses a administração da UPAE de Afogados da Ingazeira o total de R$5.516.567,00.



Rádio Pajeú

0 comentários: