Mário Matins: PREVISÃO CLIMÁTICA PARA O SEMIÁRIDO É PREOCUPANTE

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

PREVISÃO CLIMÁTICA PARA O SEMIÁRIDO É PREOCUPANTE


Previsão para o trimestre NDJ/2016-2017 para o Semiárido


Resultado de imagem para chuvas

A previsão climática por consenso para o trimestre Novembro e Dezembro de 2016 e Janeiro de 2017 (NDJ/2016-2017), baseada na análise diagnóstica das condições oceânicas e atmosféricas globais e nos prognósticos de modelos dinâmicos e estatísticos de previsão climática sazonal, indica que para a região do Semiárido há baixa previsibilidade para o período, o que implica em igual probabilidade para as três categorias, ou seja a precipitação tem a mesma probabilidade de ficar acima, próxima ou abaixo da média histórica. Destaca-se que em grande parte do semi-árido Nordestino o período NDJ é historicamente seco, e apesar da divulgação da ocorrência de um fenômeno La Niña, este ainda não se estabeleceu e em se estabelecendo será de fraca intensidade e de curta duração, e portanto não deve acarretar mais precipitação para região. Para a bacia do rio São Francisco, mesmo num cenário em que as chuvas ocorram dentro da climatologia, a vazão continuará inferior à média histórica, persistindo a situação de déficit hidrológico na bacia. Há uma perspectiva de temperaturas entre normal a acima dessa faixa em todo semiárido.




Detalhes da previsão climática estão disponíveis no Boletim Infoclima no link http://infoclima1.cptec.inpe.br/

0 comentários: