Mário Matins: Câmeras de segurança flagram momento que motorista é assassinado em Serra Talhada

sábado, 14 de maio de 2016

Câmeras de segurança flagram momento que motorista é assassinado em Serra Talhada

Âncora do Sertão
Crime
Câmeras de segurança flagram ação dos assassinos em Serra Talhada, PE. Foto: Reprodução
As imagens de câmeras de segurança flagraram ação dos bandidos que tentaram assaltar o motorista e vendedor de gás Ângelo Vieira Luckwu, 26 anos, assassinado nessa sexta-feira (13) em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco.
O crime ocorreu por volta das 6h30 da manhã quando a vítima se deslocava na sua motocicleta em direção ao trabalho, porém, na Avenida Afonso Magalhães foi abordado por dois homens não identificados, que em seguida efetuaram disparos de arma de fogo. O motorista estava com o valor de R$ 9 mil reais (dinheiro e cheque), mas a quantia não foi levada pelos bandidos.
A primeira suspeita da Polícia Civil seria um latrocínio (roubo seguido de morte), no entanto, as investigações devem esclarecer a motivação do crime. As imagens divulgadas foram confirmadas pela Polícia Civil.
O registro evidencia os criminosos apontando uma arma na cabeça da vítima, enquanto o vendedor argumentava. A vítima ainda chegou a ser socorrida para o Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães (Hospam), onde chegou com vida, mas não resistiu aos ferimentos.
DETALHES
Na quinta-feira (12) o motorista teria passado o dia trabalhando e realizando sua rotina de entrega e venda de água e gás. No dia seguinte, pela manhã dirigia-se a empresa para prestar contas. De acordo com a Polícia Civil, pessoas próximas a vítima devem ser ouvidas e investigadas, devido a suspeita de que alguém possa ter informado aos criminosos que Ângelo Vieira estaria com esse dinheiro no momento que direcionava-se a empresa. A polícia não descarta que tenha sido um crime premeditado.


REVOLTA

Os cidadãos de Serra Talhada estão revoltados com as ações dos criminosos em plena luz do dia. Vários assaltos, roubos e furtos tem sido registrados nas últimas semanas. Apesar do trabalho intensivo da Polícia Militar de Pernambuco, o número tem se elevado.


DENÚNCIA 

As pessoas que tiveram alguma informações sobre o paradeiro dos assaltantes ou conseguir identificar pelas imagens podem realizar denúncia anônima.
  • Delegacia de Polícia Civil (87) 3831.9223

0 comentários: